Ecoturismo e Aventura: 5 Dicas de Viagem no Brasil

Para quem gosta procura viajar e estar mais perto da natureza, nessa matéria, vamos listar 5 dicas de destinos de ecoturismo no Brasil. São lugares em que você vai ter uma experiência intensa de contato com paraísos naturais. E se você mora no Brasil e acaba sempre planejando viagem para praias, pode estar perdendo uma boa parcela de viagens e destinos incríveis.

É importante que os melhores destinos de ecoturismo explorem suas atrações respeitando o meio ambiente. O ecoturismo não pode destruir seu principal atrativo, senão não terá futuro. Por isso, boa parte desses destinos investem em soluções de sustentabilidade.

O desenvolvimento sustentável dessas regiões combina crescimento econômico com a preservação do patrimônio natural. Mas também o desenvolvimento da população local (gerando novos postos de trabalho e inclusão social). Ou seja, sustentabilidade é um modelo em que todos ganham: o turista, o empresário de turismo, os habitantes e, principalmente, a natureza.

A lista infelizmente deixou de fora outros destinos incríveis, seja porque eu ainda não conheço, seja porque ainda não tenho material fotográfico ou em vídeo para compartilhar com vocês. O princípio aqui do blog é sempre mostrar nossas experiências.

Bora conhecer e valorizar esses destinos lindos no Brasil?

Turismo de Aventura: 5 Dicas de Ecoturismo no Brasil

Destinos imperdíveis no Brasil e seus programas de sustentabilidade

de Fabio Pastorello

5 Dicas de Viagem de Ecoturismo e Aventura

Antes de ler mais um pouco sobre cada um dos 5 destinos de ecoturismo que indicamos nessa matéria, que tal dar uma olhada nas nossas filmagens que fizemos nessas viagens. Os lugares são incríveis, em vídeo ficam ainda melhores, dá uma olhada.

1 – Ecoturismo: Bonito / MS

 Bonito Dicas de Viagem Ecoturismo e Aventura
  • Em se tratando de dica de viagem de ecoturismo, é realmente difícil algum lugar desbancar Bonito. As grandes atrações de lá estão mesmo na água, como as deliciosas flutuações. O  lance é acompanhar o fluxo do rio e, no caminho, se deparar com muitos peixes e plantas subaquáticas. É provavelmente uma das melhores experiências que eu já tive.
  • Mas a região contempla uma série de outros passeios, como cachoeiras, grutas, parques, passeios a cavalo, mergulho e observação de animais.
  • Para que esse santuário seja preservado (e ainda bem, é bem preservado), Bonito foi considerado um dos 100 destinos mais sustentáveis do mundo pela Green Destinations. Entre as principais ações que impedem que o crescimento de turistas cause um impacto negativo no meio ambiente, está o controle das visitações (os passeios são acompanhados por guias e possuem número limitado). O controle é realizado através de vouchers com informações detalhadas como data, horário, atrativo, nome do turista, quantidade de pessoas, transporte, guia, que permitem que esses dados sejam fiscalizados.
  • O IASB (Instituto das Águas da Serra da Bodoquena), uma ONG – Organização Não Governamental local, implementou em vários hotéis a chamada GREEN TAX. Ela substituiu a antiga taxa de turismo. Desta forma, os recursos arrecadados são destinados para projetos de conservação ambiental, como plantio de mudas nativas.
  • Os hotéis também primam por ações de sustentabilidade. No Hotel Pousada Águas de Bonito, onde ficamos hospedados, a água da chuva é usada na piscina, a energia solar para aquecimento, são usadas plantas nativas e a equipe de colaboradores é sempre treinada e valorizada. Vale salientar também que Bonito possui um sistema de coleta seletiva de lixo, o que ainda é incomum em cidades do interior do Estado.

Leia mais: Dicas de Bonito: Quando Ir, Como Chegar, O que Fazer

2 – Aventura: Jalapão / TO

Dicas de Viagem Ecoturismo e Aventura: Jalapão
  • O Jalapão é outro desses destinos de ecoturismo em que o contato com a natureza é extremo. No nosso caso, por exemplo, ficamos acampados em tendas (o Safari Camp, inspirados em safari camps africanos). Não pense que, por isso, você não terá uma boa noite de sono ou a possibilidade de tomar banho quente (graças ao sistema de aquecimento solar).
  • O Safari Camp da Korubo fica às margens do Rio Novo, um dos últimos rios de água potável do mundo. As refeições são preparadas com alimentos, em grande parte, cultivados no próprio acampamento.
  • A região permanece ainda preservada, em grande parte, pela dificuldade de acesso. As estradas são precárias e os acessos restritos a veículos quatro por quatro. Moradores têm muita dificuldade de locomocação, e já houve casos de atolamento de ambulâncias e veículos escolares.
  • Um dos exemplos é que a produção de capim dourado, um dos maiores atrativos turísticos do Jalapão. O capim dourado foi responsável pela melhora de indicadores sociais da comunidade de Mumbuca (uma das principais produtoras). As melhorias incluem condições de moradia, saúde e educação.

Leia Mais: Dicas do Jalapão: O que Fazer, Quando Ir, Como Chegar

3 – Ecoturismo e Aventura: Chapada dos Veadeiros / GO

Dicas de Viagem Ecoturismo e Aventura: Chapada dos Veadeiros
  • A Chapada dos Veadeiros foi uma das regiões mais incríveis que eu conheci no Brasil. Situada em Goiás com a predominância da bela vegetação do cerrado (que também se encontra no Jalapão). Esse destino de ecoturismo inclui cachoeiras, cânions e trilhas para mirantes de tirar o fôlego.
  • Faz parte do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, e portanto é uma área de proteção ambiental. Também foi declarado Patrimônio Mundial Natural em 2001 pela UNESCO.
  • Para manter a preservação da Chapada, planos são revisados anualmente. Incluem ações de fiscalização, monitoramento e combate a incêndios florestais. Não é permitido construir, acampar, andar de carro ou fazer barulhos altos, tudo para interferir o mínimo no ambiente.
  • No entanto, paraísos e santuários ecológicos estão sempre ameaçados. Planos recentes incluem pulverização de agrotóxicos e implantação de hidrelétricas, que segundo alguns ambientalistas, pode significar até a extinção do bioma.

Leia Mais: Roteiro de Viagem na Chapada dos Veadeiros

4 – Aventura: Aparados da Serra / SC e RS

Dicas de Viagem de Ecoturismo no Brasil: Aparados da Serra 
  • Também conhecido como Caminho dos Canyons. A região compreende o Parque Nacional de Aparados da Serra e o Parque Nacional da Serra Geral. É repleta de canyons que podem chegar a 700 metros de altura. Os roteiros de ecoturismo incluem: trekking nas bordas dos canyons (esses com nível de dificuldade menor); trekking dentro das crateras. Para esses últimos, só é permitido com acompanhamento de guias credenciados.
  • Destinos concorridos como o Canyon Itaimbezinho podem receber até 1 mil visitantes por dia, por isso o cuidado com a preservação é constante. Todo o lixo deve ser levado de volta, até mesmo o lixo orgânico, nos explicou o guia Guilherme Mainieri da Rota dos Canyons.
  • A operadora Rota dos Canyons é uma das que primam por vários critérios de sustentabilidade. O emprego de mão de obra local, a preservação de propriedades rurais que pratiquem a agricultura familiar, o cultivo orgânico e a preservação da natureza são alguns deles.
  • Como em todos os Parques Nacionais, práticas são sempre recomendadas aos visitantes: não levar nada dos parques e não deixar nada nos parques. Caçar ou pescar animais silvestres e levar animais domésticos é proibido.

Saiba mais: Canyons e Parque de Aparados da Serra

5 – Ecoturismo: Lençóis Maranhenses / MA

Dicas de Viagem de Ecoturismo no Brasil: Lençóis Maranhenses
  • Esse é provavelmente um dos destinos de ecoturismo mais únicos e impressionantes que o Brasil possui. Visitar as dunas e lagoas dos Lençóis Maranhenses é o tipo de viagem que faz você se perguntar porque não conheceu aquele lugar antes. E nem é preciso dizer que o contato com a natureza é ostensivo.
  • A área gigantesca (quase o tamanho da cidade de São Paulo) também faz parte do Parque Nacional Lençóis Maranhenses. O parque, assim como diversos outros no Brasil, é administrado pelo ICMBio – Instituto Chico Mendes, que através de um Plano de Manejo, define algumas regras.
  • Entre as regras o acesso de veículos e guias credenciados é uma delas. Outra é a proibição de venda e consumo de bebidas alcóolicas (infelizmente não respeitada durante nossa visita, um grupo colocou um isopor com bebidas dentro de uma lagoa). A proibição de fogueiras complementa o grupo de regras.
  • Entidades vem atuando na capacitação e desenvolvimento de autonomia das comunidades e pessoas da região. Uma das ações, por exemplo, diz respeito a população que não deseja mais construir casas de adobe e taipa, por estarem associadas à pobreza. O trabalho visa manter as tradições locais.

Saiba mais: O que fazer nos Lençóis Maranhenses e Qual a Melhor Época

Como toda lista acaba sendo incompleta, deixe seu comentário no final desse post sobre qual destino de ecoturismo ou aventura que você acha que ficou faltando nessa lista. Quem sabe numa próxima viagem a gente pode conhecer.

© 2015 Fabio Pastorello. Todos os direitos reservados. A reprodução de textos e/ou imagens não é permitida sem prévia autorização do autor. 

 

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM

 

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM

share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

8 comentários

  1. Olá. Bonito e Jalapao sao meus proximos destinos de viagem. Gostaria de saber de todas viagens nacionais que vocês ja fizeram, qual gostaram mais?

  2. Gostaria de deixar uma dica: Conheça o sul do Maranhão, especificamente as Cachoeiras das Chapadas da Mesas na região de Carolina, Riachão e Balsas, cachoeiras do Complexo Turistico dd Pedra Caída, Cachoieiras Femeas de Itapecuru, Poço Azul e Cacheira de Santa Barbara com seus 75 metros de queda d’água e o Encanto Azul, ótima pedida e tenho certeza que irá incluir no próximo roteiro de viagem.

    1. Não vou mentir não Larissa. Os passeios são caros, média de 150 reais cada flutuação, isso sem o transporte até o local. Fora isso, hospedagem tem pra todos os bolsos e refeição também.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.