MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo

MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo

O MIS – Museu da Imagem e do Som, costuma trazer exposições que movimentam a cena cultural de São Paulo. E a nova exposição sobre Alfred Hitchcock no MIS, já é uma promessa de grande público.

Entre as exposições mais famosas do MIS, como esquecer a de Stanley Kubrick em 2013, a de David Bowie em 2014 e o Castelo Rá-Tim-Bum em 2014.

Muitas filas (para algumas era preciso comprar ingresso com semanas de antecedência) e sucesso na agenda cultural de São Paulo.

Com a exposição sobre Alfred Hitchcock, um dos diretores de cinema mais populares e prestigiados de todos os tempos, não deve ser diferente.

MIS inaugura exposição inédita sobre Alfred Hitchcock – Bastidores do Suspense

Retrospectiva ocupa dois andares do museu e leva os visitantes a uma experiência imersiva e interativa

MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo

A exposição promete trazer fotos, cartazes, materiais de divulgação dos filmes, storyboards, manuscritos, croquis de figurinos e diversos outros itens que ajudam a entender a admirar a obra de Alfred Hitchcock, considerado o Mestre do Suspense.

Concebida e desenvolvida pelo próprio MIS – Museu da Imagem e do Som, a mostra abre no dia 13 de julho com uma maratona de filmes do diretor (já com ingressos esgotados). A mostra teve curadoria de André Sturm, ex-diretor do MIS.

Como sempre nas exposições do MIS, a mostra promete uma experiência imersiva, através de instalações interativas e outras que fazem o visitante se sentir dentro dos bastidores das produções desse grande realizador britânico (que posteriormente migrou para o cinema norte-americano). Por tabela, os visitantes terão um panorama da vida e da obra de Hitchcock.

MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo
Detalhes dos bastidores das gravações do filme Festim Diabólico (Rope, 1948). Acervo: Marc Wanamaker | Bison Archives, Hollywood, California, USA

O cinema do “Mestre do Suspense”

Uma das características do diretor era o controle de todas as etapas de suas películas. Desde a escolha do elenco (e suas famosas loiras, como Grace Kelly e Kim Novak) até o design dos cartazes. Esse domínio criou uma filmografia em que cada filme tem a personalidade do diretor. E suas famosas aparições (o diretor costumava atuar como figurante de seus próprios filmes) também viram marca registrada de suas produções.

“Em minhas memórias mais antigas, a paixão pelo cinema sempre esteve presente, e Hitchcock foi o cineasta que me introduziu neste universo. Tanto que, quando escrevi meu primeiro roteiro de curta (um suspense, claro), usei seu nome como meu pseudônimo na inscrição”, conta André Sturm, o curador da exposição.  “A curadoria que desenvolvi aponta as características do cinema do ‘mestre do suspense’ que fizeram de Hitchcock um precursor de muitos aspectos técnicos e estéticos que até hoje são amplamente estudados e utilizados. Cada elemento, cada enquadramento, cada detalhe tem uma função”, declara Sturm.

Entre os destaques da exposição, estão obras como Festim Diabólico (Rope, 1948), Um Corpo que Cai (Vertigo, 1958) e o famoso Psicose (Psycho, 1960).

MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo
Página de storyboard do filme Os pássaros (The Birds, 1963). Alfred Hitchcock Papers, Margaret Herrick Library, Academy of Motion Pictures and Sciences

O acervo da exposição

A exposição conta com itens originais de instituições internacionais como o Acervo Marc Wanamaker|Bison Archives (Hollywood, California/EUA) e a Biblioteca Margaret Herrick, de Los Angeles, detentora do acervo da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos (responsável pela entrega dos prêmios Oscar). São fotos e manuscritos de Alfred Hithcock, doados pela família do diretor. A curadoria também pesquisou peças em acervos pessoais de colecionadores e instituições nacionais e internacionais.

O projeto expográfico e arquitetônico da mostra foi desenvolvido em parceria com o Atelier Marko Brajovic. O atelier trabalhou em outros projetos em parceria com o MIS, como nas exposições de David Bowie, François Truffaut e Renato Russo. A ideia é trazer muitas surpresas tanto para os fãs de Hithcock como para aqueles que não conhecem muito a filmografia do diretor.

A exposição tem patrocínio da Multiplus, Itaú, Getnet e Raízen e apoio da TozziniFreire Advogados.

MIS inaugura exposição sobre Alfred Hitchcock em São Paulo
James Stewart, Grace Kelly e Alfred Hitchcock no intervalo das gravações de Janela Indiscreta (Rear Window, 1954). Acervo Marc Wanamaker | Bison Archives, Hollywood, California, USA

Curso: O Cinema de Alfred Hitchcock

Ministrado por Carlos Primati (jornalista, crítico, tradutor e pesquisador) e Marcelo Lyra (jornalista, professor e crítico de cinema), o curso aborda em doze aulas, de maneira analítica e expositiva todos os aspectos da obra do diretor conhecido como ‘o mestre do suspense’. Desde a fase inglesa, ainda no cinema mudo, passado pela transição para o cinema falado, a colorização dos filmes, a indústria hollywoodiana e até mesmo a participação na produção da série de TV, serão temas abordados que delineiam a compreensão da importância de sua obra para a história do cinema mundial. O curso acontece de 16 de julho a 27 de agosto, das 19h às 22h. Inscrições abertas, mais informações e inscrições, clique aqui.

Playlist no Spotify

O MIS preparou uma playlist especial para a exposição. A playlist, que conta com informações que permeiam toda a carreira do cineasta – diretor de 53 longas – e com trilhas sonoras de seus filmes, está disponível no perfil do MIS no Spotify. Para aproveitar ainda mais a experiência, o Spotify oferece wi-fi gratuito para os visitantes do MIS.

Ficha Técnica

Hitchcock – Bastidores do suspense
Data: De 13 de julho a 21 outubro
Horário: Terças a sábado 10h às 21h; domingos e feriados das  9h às 19h
Ingressos: R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia) na Recepção do MIS (somente para o dia da visita). Terças-feiras entrada gratuita. Menores de 5 anos não pagam.
Ingressos antecipados: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), com hora marcada, no site e aplicativo Ingresso Rápido

Sexta-Feira 13 – Maratona Hitchcock R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)
Cada ingresso dá direito às três sessões de filmes mais entrada na exposição entre as 22h de sexta (13) e 10h de sábado (14). (INGRESSOS ESGOTADOS)

share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

2 comentários

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.