Canoa Quebrada, Ceará – O que Fazer na Rota das Falésias

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer

O que fazer em Canoa Quebrada? Muita gente acredita que apenas um bate-volta de Fortaleza já é o bastante para conhecer Canoa Quebrada, mas há muito o que fazer por lá.

Se estamos falando do passeio 3 praias em 1 dia, então, é quase covardia as poucas horas para aproveitar um dos destinos mais procurados do Estado. 

Vamos destacar pelo menos 10 coisas para fazer em Canoa Quebrada, a maior parte delas somente é possível se você ficar hospedado por lá.

E uma das novidades é que a partir de Canoa você pode percorrer boa parte dos destinos que fazem parte da Rota das Falésias, um novo roteiro turístico que inclui destinos no Ceará e Rio Grande do Norte.

Quem sabe você se anima para conhecer Canoa Quebrada, muito além de um bate-volta a partir de Fortaleza.

O que fazer em Canoa Quebrada, Ceará – Rota das Falésias

Saiba os principais passeios para quem vem de Fortaleza ou fica hospedado por lá

O Ceará é um destino que inspira até cineastas internacionais, como foi o caso de Orson Welles quando veio para o Brasil filmar o documentário “It’s All True”.

História de Canoa Quebrada

O símbolo de Canoa Quebrada, a lua e a estrela, surgiu de um casal de argelinos, que pediu para um artesão local desenhar a lua e estrela (desenho presente na bandeira da Argélia) em um artesanato.

O artesão achou que tinha a ver com Canoa Quebrada e começou a replicar em todas as suas obras.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
A lua e a estrela viraram símbolo de Canoa Quebrada

A história do nome de sua rua principal (a Broadway, ou Rua Dragão do Mar), ocorre em homenagem a um descendente de Canoa que liderou um movimento de greve dos jandadeiros e que antecipou o fim da escravidão no Ceará.

Dragão do Mar e Orson Welles

Dragão do Mar, ou Chico da Matilde (no caso Matilde, sua mãe), “em 1874 foi nomeado prático da Capitania dos Portos convivendo com o drama do tráfico negreiro, se envolve na luta pelo abolicionismo, e uma de suas principais atitudes foi o fechamento do Porto de Fortaleza, assim impedindo o embarque de escravos para outras províncias. Em vigília, localizava alguma embarcação que entrasse no Porto do Mucuripe e conduzia sua jangada até ela para comunicar o rompimento do tráfego negreiro no Estado.”

Fonte: http://www.canoabrasil.com/dragao-do-mar.html

Alguns anos mais tarde, Orson Welles, o famoso diretor de um dos melhores filmes de todos os tempos,  “Cidadão Kane”, esteve no Ceará para registrar a história de outro jangadeiro heróico.

Jacaré e mais outros jangadeiros partem da Praia de Iracema, em Fortaleza, até o litoral do Rio de Janeiro para reivindicar melhores condições aos pescadores e jangadeiros cearenses. Leia mais no post sobre o filme “É Tudo Verdade”.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza #CanoaQuebrada #Ceará #Fortaleza

Como Chegar em Canoa Quebrada

Canoa Quebrada fica no litoral leste do Ceará, no município de Aracati. Essa região também é conhecida turisticamente como Rota das Falésias ou Rota das Cores.

E há duas maneiras principais de conhecer essa região e uma das praias mais famosas do Ceará. Fazer um bate-volta de Fortaleza ou pernoitar na cidade.

Rota das Falésias

Para conhecer não somente Canoa Quebrada, mas as oito cidades que fazem parte da Rota das Falésias, ficar hospedado em Canoa é a melhor opção.

“A Rota das Falésias é um dos roteiros estruturados pelo Programa de Regionalização do Turismo, do Ministério do Turismo, desenvolvido em parceria com o Sebrae Ceará e, mais recentemente, com o apoio do Sebrae-RN.”

Fonte: Ministério do Turismo 

São 215 km do litoral cearense marcados pelas falésias em diversas tonalidades, dunas e as praias com o mar em tons de verde esmeralda.

Entre os destinos, podemos destacar Águas Belas, Morro Branco e Praia das Fontes (que ficam mais próximas de Fortaleza) ou Majorlânida, Redonda, Quixaba, Tremembé e Ponta Grossa, que ficam no caminho para o Rio Grande do Norte.

Passeio bate-volta de Fortaleza

Os passeios bate-volta a partir de Fortaleza são bem comuns e há dois que incluem Canoa Quebrada. Um deles é conhecido como 3 praias em 1 dia (inclui também Morro Branco e Praia das Fontes) e o outro é exclusivamente para Canoa Quebrada (mais recomendado).

Uma das empresas que operam esse roteiro é a Ernanitur. Foi a empresa que nos levou até lá em 2018. O serviço e o guia foram excelentes. O passeio custa a partir de R$ 69,00 (ref. jan/2019).

Por conta própria

Para quem chega por conta própria, o acesso de carro é tranquilo, mas a viagem dura cerca de 2h30.

De ônibus, quem opera o trecho é a Viação São Benedito, com 5 saídas diárias e duração de 3h30 de viagem. A passagem custa menos de R$ 25,00 (refência jan/2019).

Apesar dos passeios bate-volta serem uma boa opção, há algumas coisas que não é possível fazer sem estar hospedado em Canoa. A região é tão gostosa que com certeza merece uma ou duas noites por lá.

Os programas para se fazer em Canoa Quebrada indicados com asterisco, somente são possíveis para quem fica hospedado por lá.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
O incrível mar de Canoa Quebrada e o contraste com as cores falésias forma uma das paisagens mais bonitas do Ceará

1 – Passe duas noites em Canoa Quebrada: dicas de pousadas *

Logo que chegamos na pousada Vale do Luar, em Canoa Quebrada, ficamos maravilhados com a pousada e com a simpatia de sua dona, Socorro. Tudo muito bonito, arrumado, charmoso, e uma piscina super convidativa.

Socorro ainda nos permitiu escolher o quarto, acabamos escolhendo o que já estava pronto, assim não precisamos esperar o horário do check-in.

E o melhor é que na época pagamos apenas R$ 100,00 a diária na Vale do Luar (ref. nov/2012), reserva através do Booking.com. Em 2019 esse valor já subiu para cerca de R$ 250,00 a diária.

Uma pousada com toda essa infraestrutura, tudo oferecido com qualidade e atendimento afetuoso, só em Canoa Quebrada mesmo.

Por isso, vale a dica, é sempre bom procurar lugares não tão disputados, onde é possível encontrar tarifas mais baratas.

Clique aqui para consultar preços e disponibilidade

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Canoa Quebrada tem ótimas opções de pousadas com excelente custo benefício

Outras dicas de pousadas em Canoa Quebrada

Para quem ainda procura aquele precinho que pagamos em 2012, a opção é a Pousada Fortaleza, com diária a partir de R$ 105,00. Pesquisando ainda dá para encontrar pousadas ainda mais baratas.

Mas para quem procura conciliar conforto com boa relação custo benefício, outra opção muito bem avaliada é a Pousada Tranquilandia Village, localizada na Rua da Praia. A pousada tem excelentes comentários sobre a qualidade dos serviços e atendimento.

O Hotel e Pousada Tatajuba também tem belíssimas instalações, com linda piscina e quartos com vista para o mar.

Finalmente, dê uma olhadinha também no Hotel Il Nurague, que fica bem pertinho da Broadway.

2 – Curtir a estrutura da Barraca Chega Mais

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Algumas barracas de Canoa Quebrada têm até piscina, como a ótima Chega Mais

Uma opção de barraca que adoramos conhecer foi a Chega Mais. Conhecemos em 2018, em um passeio bate-volta a partir de Fortaleza.

Essa é uma das barracas mais conhecidas e bem avaliadas de Canoa Quebrada.

A equipe é toda treinada pelo SEBRAE para melhor atender os visitantes, e nós sentimos essa eficiência a todo momento. Um dos destaques fica para o super querido Jailson, conhecido como Embaixador de Canoa Quebrada.

O ambiente da Chega Mais foi todo concebido para criar uma experiência agradável e não somente uma forma de acesso para a praia.

Um dos maiores diferenciais é que a estrutura é bastante ampla, contando com restaurante self-service e à la carte e muitas cadeiras à beira-mar. A área da piscina também é bastante agradável.

A Chega Mais ainda oferece vestiário e armários para locação.

A única desvantagem é que ela fica um pouco distante das falésias de Canoa Quebrada, uma das maiores atrações do lugar. Para chegar lá, é preciso caminhar cerca de 15 minutos pela praia.

Barraca Lazy Days

Outra barraca que curtimos muito conhecer é a Lazy Days, no canto direito da praia.

Ela não faz o estilão das barracas de excursão. Tem música ao vivo, algumas espreguiçadeiras, ambiente bem tranquilo e pessoal descolado.

3 – Passeio de Buggy em Canoa Quebrada

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Muita alegria e adrenalina nos passeios de buggy em Canoa Quebrada

Existem algumas opções de passeios de buggy em Canoa Quebrada e um deles vamos mencionar logo a seguir.

Mas para quem veio até Canoa Quebrada apenas fazer um bate-volta, a opção é fazer um passeio básico, de cerca de 1 hora de duração. Entre as paradas, o ponto forte é a parada para fotos em uma das falésias com o símbolo da lua e estrela.

Outra parada é nas lagoas para atividades de tirolesa ou esquibunda. Mesmo em dezembro, bem distante da época de chuvas, as lagoas podem ser aproveitadas, mas em volume menor.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Uma das paradas do passeio de buggy é para fazer tirolesa ou esquibunda

Os buggys circulam em alta velocidade pelas dunas de Canoa Quebrada, garantindo muita adrenalina. Nós adoramos.

Quem estiver com tempo (somente quem está hospedado em Canoa), pode encerrar o passeio na duna do pôr do sol. Nós comentamos a seguir.

O passeio de buggy pode ser contratado com a Associação dos Bugueiros de Canoa Quebrada (pode ser pelo whatsapp: (88) 99965-7192 ou por email: abcqpasseiodebuggy@hotmail.com). Também é super fácil pedir para o pessoal da sua pousada ou de sua barraca agendar para você.

4 – Duna do Pôr do Sol em Canoa Quebrada *

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Assim como em Jericoacoara, em Canoa também rola pôr do sol nas dunas

Ficamos felizes em saber que em Canoa, assim como em Jericoacoara, há uma duna onde é possível admirar o pôr-do-sol.

Tínhamos visto no roteiro de bugues da região. Para quem já gastou muito dinheiro com passeios de buggy (no Ceará eles deixam a gente lascado, ou seja, sem dinheiro), também há opção de ir a pé mesmo.

Por intuição (e também seguindo algumas pessoas e bugues indo para lá), fomos até a duna do pôr do sol, que tem uma vista para um vale e para a estrada. Foi por lá que assistimos o pôr-do-sol.

Eu já tinha visto melhores finais de tarde, mas o lugar é bem especial, com uma vista ampla de toda a região.

5 – Fazer o passeio de buggy até Ponta Grossa – Rota das Falésias*

O passeio de bugue até Ponta Grossa, divisa do estado de Rio Grande do Norte, leva cerca de 2h30, portanto é inviável para se fazer num bate-volta de Fortaleza.

Mas o trajeto até Ponta Grossa é um dos melhores passeios de buggy do Ceará. A paisagem das falésias, que varia em tons próximos ao branco até o vermelho, é realmente incrível. O trecho é conhecido como Rota das Falésias ou Rota das Cores.

Esse passeio é quase todo pela praia, mas é imprescindível que seja feito na maré baixa. Nós saímos às 8h da manhã.

Como Funciona o Passeio de Buggy

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Garganta do Diabo, em Majorlândia, uma das paradas de passeio de buggy até Ponta Grossa

Partimos com um casal de Juazeiro do Norte, muito simpático e também adoravam tirar fotos. Eles já tinham feito outro passeio com o bugueiro, que chamava Pablo, e era legal.

Fui na frente, assim podia tirar mais fotos e filmagens com a câmera profissional, já que atrás fica meio inviável segurá-la e segurar no bugue.

O caminho é muito legal, vamos percorrendo a praia, passando por diversos vilarejos (entre eles Majorlândia) e no caminho notando a diferença no tom de cor das falésias, que começa mais próximo do areia para terminar vermelho.

No meio do caminho, paramos em um cânion formado pelas falésias, ótimo para fotos. O lugar é conhecido como Garganta do Diabo. Nesse ponto, as falésias ainda estão num tom próximo ao branco.

Majorlândia também é conhecida como a origem do artesanato das areias coloridas, então vale pedir para o seu bugueiro fazer uma parada em algum ponto para ver essa atração.

Ponta Grossa

No final do percurso, há uma duna e algumas rochas com formatos peculiares, uma em particular tem um buraco no meio. Nesse ponto, chamado Ponta Grossa (município de Icapuí), paramos somente 20 minutos, que passaram voando.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Parada nas dunas e formações rochosas de Ponta Grossa

Dali, o bugueiro nos levou para um barraca onde sim, ficamos mais tempo, mas ainda era 10h30, então estávamos sem a menor fome. O atrativo seria comer uma lagosta por preço mais barato, mas ficou para uma próxima vez.

O bugueiro ainda fez uma rápida parada em um símbolo de Canoa esculpido na falésia, que fica um pouco distante da cidade.

Voltamos por volta das 11h30 para a pousada.

6 – Voo de Parapente

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
O imperdível voo de parapente em Canoa Quebrada

O casal de Juazeiro que fez o passeio de bugue conosco, nos indicou o passeio de parapente, dizendo que era bastante tranquilo e bonito, e resolvemos experimentar.

Quem faz é o Jerônimo, que tem um quiosque perto da passarela de Canoa Quebrada, no alto das falésias.

O vôo duplo (duplo porque vc faz acompanhado de um profissional) sai R$ 150,00 e dura cerca de 15 minutos.

Reservamos para as 15h e saímos para caminhar um pouco pela praia, ver o movimento de domingo.

Às 15h voltamos mas o vento ainda não estava forte o suficiente. Afinal, por volta das 15h30, Jerônimo veio, de forma simpática e atenciosa, se apresentar e dizer que estávamos aptos para iniciar nosso vôo.

Uma experiência inesquecível

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Canoa Quebrada vista a partir do voo de parapente

Uma equipe se encarrega de colocar os equipamentos de segurança. Depois Jerônimo (ele também conta com mais dois funcionários que também fazem vôos) faz as conexões e só é preciso ficar em pé para levantar vôo.

Quando você vê, já está nas alturas. Jerônimo faz de tudo para o passeio ficar mais animado. Faz rasantes próximos das barracas, das pessoas, levanta vôo para vistas ainda mais amplas e mostra todos os lados de Canoa.

Quando você vê, o vôo infelizmente já terminou.

Depois é oferecido um CD com algumas fotos tiradas de baixo.

Depois do vôo do Cleber, reencontramos o casal de Juazeiro, que gostaram tanto que estavam dispostos a repetir a experiência.

7 – Passeio de jangada

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
O passeio de jangada é uma das tradições de Canoa Quebrada

Para os mais corajosos (o que não foi o meu caso), existe a opção de fazer um passeio de jangada pelo mar cearense. É um passeio bastante típico, mas para se encarar apenas em dias de mar calmo.

Como já citamos anteriormente, as jangadas e seus jangadeiros cearenses foram objeto de interesse do diretor Orson Welles. Em 1942 ele esteve no Brasil para registrar o modo de vida e a saga de quatro jangadeiros que resolveram viajar de jangada do Ceará até o Rio de Janeiro. O objetivo era chamar a atenção para questões e direitos dos pescadores cearenses.

As imagens fariam parte do documentário em episódios “It’s All True”, no episódio “Four Men on a Raft”.

Infelizmente, na tentativa de recriar a jornada desses jangadeiros, enquanto Orson Welles refilmava a viagem deles, um acidente na jangada matou o líder dos jangadeiros. Veja mais sobre a passagem de Orson Welles pelo Ceará no post sobre o filme: “As várias viagens dentro de É Tudo Verdade, de Orson Welles”.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Orson Welles durante as filmagens do documentário “It’s All True”, no Ceará

Mar bravo

Em virtude dos ventos fortes e dessa tragédia, apesar das lindas imagens das jangadas, resolvi não me arriscar em um passeio em uma delas.

Já fiz passeios de jangada em praias com recifes, como em Porto de Galinhas, por exemplo, o que faz com que o mar não seja tão bravio. Mas no Ceará não há recifes, portanto o mar aberto torna o passeio bem mais balançado. 

Cleber foi mais corajoso do que eu e fez o passeio. Relatou algumas aventuras, como turistas que caíram no mar ou pessoas enjoadas. Isso sem contar que em virtude do balanço do mar, não há como ficar muito seco.

Mesmo que você não faça o passeio de jangada, elas estão distribuídas pela praia. Tirar uma foto em uma delas é uma boa opção.

Enfim, é um programa típico. Talvez seja interessante fazer para poder contar suas próprias aventuras (ou desventuras) depois.

8 – Caminhar sobre as falésias e na passarela

Passarela

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
A passarela de Canoa Quebrada, hoje interditada, proporcionava pelos visuais para a praia

Um dos pontos imperdíveis para fotos em Canoa Quebrada é uma passarela, erguida sobre as falésias, que tornou-se um admirável mirante da praia e das falésias da região.

Eu particularmente adoro praias onde é possível encontrar um ponto mais alto e admirar a praia de cima. O mar em geral fica muito mais bonito. Lembro-me dos visuais fantásticos da Praia de Pipa (também do alto de suas falésias) e das prainhas de Arraial do Cabo.

Infelizmente, a passarela de Canoa Quebrada foi interditada. Por falta de manutenção, a estrutura ficou comprometida.

Falésias

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
As belíssimas falésias de Canoa Quebrada formam mirantes naturais para a praia

Outra opção é subir as escadas íngremes (e por vezes inclinadas) que ligam a areia da praia ao alto das falésias, para admirar o mar incrivelmente verde do Ceará.

Do alto das falésias, o visual para a praia é simplesmente cinematográfico.

O símbolo da Lua e Estrela nas falésias, cartão postal de Canoa Quebrada, pode ser encontrado em vários lugares distribuídos pela praia. Na faixa mais central, é provável que você precise um pouco mais de paciência para tirar uma foto.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Não deixe de tirar sua foto com o símbolo da lua e estrela esculpido na falésia

Só o que estraga são os fios elétricos, cabos e outro tipo de intervenções humanas, que passam por entre as falésias. Destroem qualquer possibilidade de imaginar que você está num lugar paradisíaco. 

9 – Caminhar pela Broadway *

A Broadway de Canoa Quebrada não tem lá muitos musicais. Mas tem alguns lugares com música ao vivo, restaurantes e é onde todo mundo vai à noite, para circular.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
A noite de Canoa Quebrada se concentra na Rua Dragão do Mar, ou Broadway

Sinceramente, esperava mais da Broadway, pelo que eu tinha lido em alguns lugares, mas mesmo assim é lugar simpático para se caminhar, com algumas boas opções de restaurantes.

Se você veio através de um passeio bate-volta, pode até ir lá conhecer a Broadway de dia. Mas sinceramente eu optaria por dedicar meu tempo para outros programas. Se rolar uma paradinha rápida do passeio para fotografar, faça seu registro.

10 – Fugir do trecho mais movimentado da praia

Na região onde ficam a maior parte das barracas, o trecho de areia é tão curto que, na maré cheia, a água do mar invade as barracas.

É uma pequena faixa entre as falésias e o mar, mas que se tornou um dos pontos de ocupação descontrolada no local.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Em alguns pontos o mar chega tão próximo das barracas que mal dá para andar na areia

Caminhar pela praia nesse trecho então, nem pensar. Na maré alta a única alternativa é caminhar debaixo das barracas e por entre pilastras, que não é nenhum pouco agradável.

Então a dica é fazer suas caminhadas nos trechos menos movimentados. Nessas caminhadas é que você pode ir descobrindo qual será o seu ponto de apoio preferido.

Canoa Quebrada, Ceará - O que Fazer: Melhores passeios - Fortaleza
Na maré baixa e nos extremos da praia, a faixa de areia fica mais tranquila e mais fácil de caminhar

O trecho em frente a Barraca Chega Mais fica um pouco distante dessa área. É uma faixa bem mais tranquila da praia. Dá para aproveitar bem melhor do que na área mais cheia.

Outro trecho onde é possível caminhar com calma (até mesmo nos dias mais movimentados) é do lado direito da praia, após a Barraca Lazy Days. Ali é o caminho para a Praia do Estevão.

Leia também:
O que fazer em Fortaleza: 7 Melhores Passeios


Nota: O Viagens Cinematográficas viajou ao Ceará em dezembro de 2018 a convite da Secretaria de Turismo do Ceará. A FamPress de blogueiros teve apoio da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-CE), do receptivo Ernanitur, da barraca Chega Mais, do receptivo MS TUR, da Associação de Bugueiros de Canoa Quebrada e do Beach Park.

Esse relato é baseado também em outra viagem para Canoa Quebrada, em novembro de 2012.

Leia também:

share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

2 comentários

  1. Oi Meninos,
    Super obrigada pelo link para Icapuí!
    Lendo esse post bateu uma saudade doida do Ceará! Não vejo a hora de voltar para conhecer mais coisas e mais praias lindas!!!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.