Atraso ou Cancelamento de Voos: Startup ajuda passageiros na busca por indenização

Atraso ou Cancelamento de Voos: Startup ajuda passageiros na busca por indenização

Você já teve problemas como atraso de voos, malas extraviadas ou até mesmo voos cancelados? Já tivemos problemas com voos atrasados e até chegamos a perder uma conexão. Desde então a gente sempre se preocupa na hora de reservar voos e fica ansioso para que esses problemas não aconteçam novamente.

Os transtornos decorrentes de um atraso ou cancelamento de voos são bem grandes. Nós viajamos com tudo programado, então uma mudança dessas prejudica reservas de hotel, passeios agendados ou programados que são perdidos ou, para quem viaja a negócios, acabamos perdendo até compromissos importantes.

Enfim, esses problemas costumam ser mais comuns do que a gente gostaria. No nosso caso, mesmo tendo o problema resolvido, o stress causado provoca uma experiência traumática que é difícil de ser superada.

Imediatamente é possível pensar que podemos entrar com uma ação judicial contra a companhia aérea em busca de uma recompensa pelos transtornos causados. Mas só de pensar nisso você já desiste por causa do trabalho que terá?

Algumas startups já enxergaram esse nicho e estão apostando nesse mercado de ajudar viajantes em caso de voos cancelados ou atrasados por parte das companhias aéreas. Uma dessas startups é a Não Voei.

A página da Não Voei no Facebook já possui várias reviews positivas.

Como funciona o serviço de indenização de voos cancelados ou atrasados

  • O primeiro passo é acessar www.naovoei.com e clicar no botão “avaliar indenização”
  • Lá você seleciona qual o seu tipo de ocorrência: atraso, cancelamento, overbooking ou extravio de bagagem.
  • Você relata brevemente qual foi a sua experiência.
  • Em até 24 horas, um consultor vai retornar sua mensagem com as possíveis soluções para o problema.
  • Caso você decida dar sequência ao processo de indenização, a Não Voei vai tomar todas as providências para entrar com a ação, intermediar acordos ou ações judiciais. O passageiro apenas precisa enviar todos os documentos para a empresa.
  • O serviço não custa nada. Caso a ação não tenha resultado, não há prejuízo nenhum para quem entrou com ação.
  • Caso o resultado da ação seja positivo para o usuário, a Não Voei recebe 30% do valor da indenização.

Atraso ou Cancelamento de Voos: Startup ajuda passageiros na busca por indenização

Quais são os direitos do passageiro em caso de atraso de voos

  • Na incidência de atraso ou cancelamento de voos, é importante que você tenha ciência de seus direitos.
  • A Resolução nº 141/2010 define que o passageiro tem direito à assistência material de forma que o transtorno seja mitigado. Entre os direitos, estão acesso grátis a telefone e/ou internet, voucher para alimentação, hospedagem e transporte em caso de atraso superior a 4 horas.
  • No caso de atrasos superiores a 4 horas, a empresa também deve providenciar opções de acomodar o passageiro em outros voos, sem custo adicional. O voo não precisa ser necessariamente da mesma companhia.
  • Além de todos esses direitos, lembramos que o passageiro pode ter vários transtornos por causa do atraso ou cancelamento. Por isso, a utilização dos direitos não elimina a possibilidade de uma ação judicial.

Atraso ou Cancelamento de Voos: Startup ajuda passageiros na busca por indenização

Quanto é possível ganhar?

Segundo a Não Voei, o ticket médio da indenização é de R$ 6 mil reais e a empresa tem conseguido um sucesso de 99,5% dos casos. O motivo do alto sucesso nas causas é que a empresa já está bem especializada nesse tipo de ação.

Guarde todos os documentos sobre o voo com problemas, como cartão de embarque, fotos do painel de embarque com o aviso de atraso ou cancelamento, comprovantes de gastos com alimentação, reservas de hotéis ou passeios que foram perdidos, etc. Quanto maior a quantidade de documentos, mais fácil ficará para a equipe da Não Voei obter sucesso na ação judicial.

Ainda não tivemos a oportunidade de testar o serviço, mas achamos a ideia ótima. Por isso, se você passou por uma das situações acima, acesse o site da Não Voei e faça uma simulação gratuita. Caso sua situação não seja indenizável, você não perde nada com isso.

Atraso ou Cancelamento de Voos: Startup ajuda passageiros na busca por indenização

Créditos das Imagens: Delay Flight – Shutterstock.com

share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.