Chamonix e o Mont Blanc: a montanha mais alta da Europa

Depois de alguns posts incríveis dos alpes suíços, vamos agora explorar os alpes franceses? O destino é Chamonix Mont Blanc, que embora esteja na França, fica bem pertinho da divisa com a Suíça e a Itália.

Chamonix é a cidade base para conhecer a montanha mais alta da Europa: o Mont Blanc. Há controvérsias se a montanha fica na França ou na Itália. Nesse post você vai conferir algumas dicas de como chegar em Chamonix, por que ir até lá e nos próximos artigos vamos explorar o que fazer por lá e onde ficar na cidade.

Desde já posso antecipar que a visita ao Aiguille du Midi (mirante de onde se avista o Mont Blanc) foi uma experiência incrível e que se equipara ao sensacional Jungfraujoch, conhecido como o Topo da Europa.

Aliás, durante a viagem ficamos nos questionando qual seria o melhor passeio: Mont Blanc ou Jungfrau, os alpes franceses ou os alpes suíços. Rivalidades à parte, se possível faça como fizemos: visite os dois!

Como chegar em Chamonix Mont Blanc

Mais perto da montanha mais alta da Europa

Diante das imponentes montanhas dos Alpes, uma experiência inesquecível

Em 2010, depois de termos visitado o Topo da Europa, como a estação Jungfraujoch se intitula (na verdade é a estação de trem mais alta da Europa), chegou a vez de conferir a montanha mais alta da Europa. Ou seja, o Jungfrau, montanha que se avista no Topo da Europa suíço, tem “apenas” 4.158 metros. Não é a montanha mais alta da Europa.

É na França, na cidadezinha de Chamonix Mont-Blanc, que encontramos o acesso à montanha mais alta da Europa, o Mont Blanc. Ou seja, Mont Blanc não é só marca de caneta, mas uma montanha de 4.810 metros de altitude, na divisa da França e da Itália. Infelizmente o Jungfrau saiu perdendo.

5 Motivos para ir até Chamonix

  • Quem vai até Chamonix tem a oportunidade de chegar perto do Mont Blanc, o cume da Europa. Mas a cidade de Chamonix é um charme, um destino super aconchegante que também vale a sua viagem.
  • Mas chegar no Mont Blanc não será assim tão fácil! Brincadeira. Como tudo na Europa, é bem fácil, o problema mesmo é enfrentar o medo de altura e os efeitos da altitude. São dois teleféricos para chegar no Aiguille du Midi, o ponto mais próximo para avistar a montanha, a 3.842 metros de altitude.
  • Chegando lá em cima, você encontra uma vista magnífica para todas as montanhas da região. Para quem gosta de neve, é possível ter uma experiência de contato com a neve, mesmo no verão.
  • Depois disso, é pura adrenalina a viagem de telecabine panorâmica atravessando a divisa entre a França e a Itália. Abaixo de você, um imenso glaciar. Não vá se você tiver medo de altura, ou vá mesmo assim e procure não olhar para baixo.
  • No final da travessia, você está no Pointe Hellbronner, na Itália. Quer jeito mais legal de ir de um país ao outro do que pelo alto de algumas das montanhas mais altas da Europa?
A impressionante travessia de gôndola que cruza a divisa entre a França e a Itália

Existem algumas formas de se chegar até Chamonix. Você pode ir de trem, de ônibus ou van saindo do aeroporto de Genebra (foi como fizemos) ou de carro.

Como Chegar de Trem

  • A  estação de trem mais próxima é a de Saint-Gervais-Les-Bains, na França.
  • São 44 minutos de trem até lá e a viagem custam cerca de EUR 10,00.
  • Existem vários horários diários e não há reserva de assento (veja ilustração de horários e preço ao lado).
  • Para mais informações e simulações de preço e horários, consulte o site da SNCF: www.voyage-sncf.com

Como Chegar de Ônibus / Van

Essa é a opção que utilizamos para chegar em Chamonix. Destacamos duas opções para chegar lá, escolhemos a mais barata.

A viagem em si é um espetáculo. Cruzamos uma estrada cercada de montanhas e onde pudemos ver os picos nevados da região.

Foto da estrada no trajeto de Genebra até Chamonix

SAT

ALPYBUS 

  • Fizemos nosso trajeto de ida de Genebra até Chamonix pela AlpyBus.
  • A viagem custa EUR 26,50 (um pouco mais barata do que a SAT) e dura 1h15.
  • O procedimento foi bastante simples. Fizemos uma cotação pelo site da própria empresa, onde informamos o horário de chegada no aeroporto de Genebra, número de passageiros e se a viagem é somente ida ou ida e volta.
  • Também informamos o nosso local de desembarque em Chamonix, no caso o hotel onde ficamos hospedados. O transfer leva até a porta do hotel.
  • Após o preenchimento, recebemos um e-mail com todas as instruções, ponto de encontro, valores e damos o de acordo.
  • O pagamento é feito somente no dia da viagem, em dinheiro, diretamente ao motorista.
  • A viagem ocorreu em van compartilhada e foi tudo conforme planejado.

Como Chegar de Carro

O acesso pode ser feito pela França, Itália ou Suíça.

  • Pela França, o acesso é pela Autoroute Blanche (A40).
  • Pela Itália, pelo túnel Mont Blanc após a cidade de Courmayeur.
  • E pela Suíça, a cidade mais próxima é Martigny.

Onde Fica Chamonix Mont Blanc

Chamonix fica na França, mas entre três países e cercada pelos alpes franceses e italianos. Veja no mapa e caso deseje explorar melhor a região, é só clicar no link abaixo da imagem.

Ver mapa ampliado


Fontes:
Chamonix.com: Aiguille du Midi Cable Car – Panoramic Mont-Blanc Gondola
Chamonix.com: Access and Transport
Wikipédia: Monte Branco
Viagens & Imagens: Chamonix

© 2014 Fabio Pastorello. Todos os direitos reservados. A reprodução de textos e/ou imagens não é permitida sem prévia autorização do autor.

share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

10 comentários

  1. Obrigadão, Fernanda. Que legal que pude ajudar no planejamento da sua viagem, uma honra. Com certeza vou dar uma passadinha lá para conferir seu post, adorei essa viagem, será um prazer ler mais a respeito. Sempre dou uma avaliada em outros blogs para colocar os links e acrescentar as informações aos nossos leitores. Afinal, nenhuma experiência de viagem é completa, por isso nós blogueiros podemos contribuir aos nossos leitores acrescentando links de outros blogs, não é mesmo? Obrigado mesmo por ter lembrado de ter deixado um comentário após a viagem por aqui. Beijos.

  2. Show, Mauricio. Obrigadão, essa viagem foi incrível mesmo. Acho que depende um pouco do clima, fui no verão, acho que os dias ficam mais limpos (tentando tirar a responsabilidade dos seus tios hehehe). Abração!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.