Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN

São muitos os destinos que se denominam pedaços do Caribe no Brasil. Maracajaú é um deles e fazer esse passeio bate-volta a partir de Natal é, definitivamente, conhecer o Caribe do Rio Grande do Norte.

E nós já viramos experts em destinos que podem ser chamados de Caribe Brasileiro. Aqui no blog e no nosso canal do YouTube fizemos uma lista de alguns desses destinos, mas em nossa última viagem ao Rio Grande do Norte, acabamos de incluir mais um para a lista.

Os Parrachos de Maracajaú são mais um exemplar de piscinas naturais do litoral brasileiro, onde a cor do mar não ficam nada a dever para ilhas caribenhas. Além das piscinas naturais, quem viaja até Maracajaú também conhece uma linda praia, com mar calmo na maré baixa e uma bela faixa de coqueiros à beira-mar.

Confira a seguir como chegar em Maracajaú e algumas dicas para aproveitar melhor esse passeio.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN

Conheça a praia e os Parrachos de Maracajaú, no litoral do Rio Grande do Norte, mais um dos destinos que podem ser chamados de Caribe Brasileiro

Conforme o catamarã se aproxima dos parrachos de Maracajaú, como são chamadas as piscinas naturais no Rio Grande do Norte, todo mundo no barco já começa a se agitar para tirar fotos. O pessoal da tripulação pede para todos ficarem sentados, até que a aeronave, digo, o catamarã chegue no seu destino.

No meio do mar, a cerca de 8km da praia, grandes plataformas flutuantes serão a base para todos nós. O espaço é amplo e comporta bastante gente, mas logo após as instruções, nós subimos para o deck superior. Lá do alto, com uma vista abrangente para todos os parrachos de Maracajaú é que tivemos certeza: definitivamente um pedaço do Caribe no Brasil.

Mas antes de dar um mergulho nas águas surreais desse lugar, vamos para algumas dicas práticas.

Salve esse Pinterest para consultar depois

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN

 

1 – Agendamento e Preço do Passeio

A primeira dica para conhecer esse lugar é que visitar os Parrachos de Maracajaú requer um agendamento prévio.

Como estávamos com carro alugado, optamos por ir diretamente até Maracajaú, sem fechar um passeio bate-volta a partir de Natal. Para quem estiver sem carro ou preferir não dirigir, os passeios de Natal ficam um pouco mais caros (a partir de R$ 130,00 no catamarã) e envolvem mais tempo (o famoso pinga pinga para pegar todos os passageiros). Mas ganham em comodidade, afinal não é preciso ir em carro próprio até lá.

Nós optamos fechar diretamente com um operador local. Antes de ir, contatamos o pessoal do Parrachos Praia Clube, via whasapp (84) 98188-2828. 

Pelo whatsapp esclarecemos algumas dúvidas, confirmamos o horário da partida e reservamos o tour (R$ 90,00 por pessoa). Algum tempo depois o pessoal do Parrachos Praia Clube já me mandou o voucher, pelo celular. Tudo bem prático e simples.

Leia também:
O que fazer em Natal RN – 7 Melhores Passeios

Consulte a tábua das marés

É importante observar que o passeio de catamarã sai em diferentes horários, dependendo da maré.

Em geral, são 2 horas antes do ponto da maré mais baixa. No nosso dia da visita, maré mais baixa seria às 12h45 e o catamarã ficou marcado para às 10h. Para consultar o horário da maré mais baixa, existem vários sites

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
É importante consultar a tábua das marés antes de ir para os Parrachos de Maracajaú

2 – Como Chegar em Maracajaú

A partir de Natal (mais precisamente Ponta Negra, que fica mais ao sul), levamos cerca de 1h30 de carro até Maracajaú.

A estrada não é particularmente boa, mas a viagem mesmo assim foi tranquila e conseguimos chegar lá no Parrachos às 9h30.

A maior parte do público é de grupos, então foi fácil estacionar o carro por lá. Trocamos os vouchers por algumas fichas coloridas (fique atento para a sua cor, pois existe mais de uma saída) e ficamos aguardando a partida. Enquanto isso, aproveitamos para conhecer um pouco a estrutura do Parrachos Praia Clube.

Além de operar os passeios até os Parrachos de Maracajaú, eles também possuem restaurante, piscina com bar molhado, chuveiros, banheiros e estrutura de praia.

Passeio completo, né? Nem dá vontade de sair de lá.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
A estrutura do Parrachos Beach Club é completa e inclui piscina, restaurante e chuveiros

3 – Catamarã ou Lancha?

O Parrachos Praia Clube oferece duas opções de passeio, em catamarã e em lancha. O trajeto de lancha demora metade do tempo (15 minutos) mas em compensação, balança bem mais do que o catamarã (R$ 110,00 por pessoa).

Optamos pelo catamarã mesmo, o que facilitaria ir curtindo o trajeto até os bancos de corais.

Logo chamaram para a gente embarcar. São dois catamarãs, e cada um é identificado com fichas de cores diferentes.

Embarque

Para embarcar, é preciso ir caminhando pela praia até o catamarã, com água na cintura. Por isso, tire todas as roupas e leve as mochilas no ombro para não molhar.

Para subir, o pessoal ajuda segurando as bolsas e dando todo o suporte para o embarque perfeito. Eles são muito atenciosos.

O catamarã é bem amplo e tem vários assentos. Todos precisam usar colete salva-vidas e também são recomendados a ficar sentados durante boa parte da viagem. Mas vez por outra a gente levantou para tirar umas fotos e fazer uns vídeos.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
O passeio pode ser feito em catamarã ou lanche: no caso do catamarã o espaço é maior e balança menos

O trajeto dura cerca de 30 minutos e avança 7km mar adentro. É quando começamos a nos aproximar das piscinas naturais que o maravilhamento começa, quando as diversas cores e transparências no mar aparecem.

No barco tem banheiro, serviço de bar e eles oferecem opções de fotografia e filmagens subaquáticas, além de mergulho com cilindro.

Confira o nosso vídeo no YouTube para mais detalhes

4 – Chegada nos Parrachos de Maracajaú

O legal desse passeio é que desembarcamos do catamarã para uma plataforma flutuante de dois andares, onde todos podem se acomodar tranquilamente e também guardar seus pertences. Depois de ouvir as instruções do pessoal do Parrachos Praia Clube, subimos para o segundo andar.

Lá de cima, o visual é ainda mais cinematográfico e permite visualizar toda a extensão das piscinas naturais. Vale a pena tirar muitas fotos. A gente quase esquece que ainda tem um mergulho para fazer.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Uma das plataformas flutuantes encontradas nos Parrachos de Maracajaú, no canto superior esquerdo
Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Do alto da plataforma flutuante, o visual para os corais e piscinas naturais é cinematográfico

5 – O mergulho livre em Maracajaú

No dia de nossa visita, mesmo no ponto mais baixo da maré, não era possível alcançar o chão.

Dessa forma, eu que não sei nadar peguei um colete (eles usam um colete flutuador que você prende na cintura) e o Cleber se jogou no mar.

O mar não é dos mais tranquilos e tem muita gente que não se arrisca e fica ali sentado bem pertinho da plataforma, em degraus que permitem ficar com os pés no mar. Por isso, para quem não sabe nadar ou tem medo do mar, esse passeio acaba não sendo muito indicado.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Cleber e eu em alto mar: coletes ajudam aqueles que não sabem nadar

Mas com o colete, é tranquilo explorar os parrachos, com belas formações de corais e alguns peixes (a quantidade não é muita).

Até esqueci de mencionar antes, mas a empresa fornece snorkel gratuitamente para todos. Ainda oferece alguns opcionais, como roupas para mergulho, máscaras especiais (aqueles que cobrem o rosto inteiro), ensaios fotográficos e mergulho com cilindro.

O tempo de parada é de 1h30 que, como era de se esperar, passa voando. Logo logo o pessoal da embarcação já estava nos chamando para retornar.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Mergulho nos corais de Maracajaú: belas formações mas não havia muita vida marinha para contemplar

6 – Restaurante e Praia de Maracajaú

No retorno para a estrutura do Parrachos Praia Clube pedimos o almoço (cerca de R$ 80,00 o prato para duas pessoas) e tomamos um banho para tirar a água do mar.

O almoço, apesar de não ser dos mais baratos, estava muito saboroso.

Depois ainda fomos caminhar um pouco para o lado direito da praia de Maracajaú, com um trecho lindo de coqueiros à beira-mar. Por ali circulam passeios de buggy e quadriciclo.

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Belo visual da Praia de Maracajaú com faixa de coqueiros à beira-mar

No final das contas, o passeio até os Parrachos de Maracajaú é imperdível mesmo. Impossível não comparar com os corais de Maragogi, mas cada um tem suas belezas, e ambos merecem sim, o título de Caribe Brasileiro.

Dicas

  • Há duas opções para ir até Maracajaú. De veículo próprio, você pode acertar os passeios diretamente com as operadores e, portanto, acaba economizando um pouco de dinheiro e tempo e você pode fazer seus próprios horários.
  • Para quem escolhe uma operadora a partir de Natal, considere que o valor será maior. O tempo de viagem também aumenta, já que as vans precisam passar nos hotéis de cada hóspede para buscá-los. Por outro lado, envolve mais comodidade e o suporte dos guias da agência.
  • Não é preciso levar snorkel, mas não esqueça do protetor solar. Na embarcação, são vendidas bebidas e na plataforma são vendidos espetinhos.
  • Por causa do embarque ser na praia, vá com roupas de banho e leve só o necessário. O Parrachos Praia Clube disponibiliza um armário com chave para deixar os pertences. Chinelos e sandálias, por exemplo, são desnecessários no passeio de catamarã.
  • Já é possível reservar o almoço antes de embarcar, assim você ganha tempo na volta. E acreditem, faz diferença já que ao retornar do passeio, a fome pode ser grande.

Outros Passeios

No Parrachos Praia Clube também é possível fazer as seguintes atividades:

  • Passeio de Quadriciclo: R$ 80,00 para duas pessoas (leia mais no blog Leve na Viagem)
  • Mergulho com Cilindro: R$ 100,o0 por pessoa
  • Passeio do General: R$ 25,00 por pessoa (passeio em caminhão aberto pela praia)
  • Barra do Punaú: lugar próximo que dá para combinar com Maracajaú (leia mais no blog Por Onde Andamos)

Nota: Referência dos valores (fevereiro de 2018)

Leia também:
O que fazer em Natal RN – 7 Melhores Passeios

Parrachos de Maracajaú: Passeio de Natal até o Caribe do RN
Maracajaú: passeio bate-volta imperdível para se fazer a partir de Natal

FICHA TÉCNICA:

Passeio: Parrachos de Maracajaú
Direção: Maracajáu, Rio Grande do Norte
Produção: Parrachos Praia Clube
Preço: R$ 90,00 por pessoa (inclui snorkel, day use no beach club e catamarã) – referência fev/2018
Duração: 3h
Fotografia: Fabio Pastorello
O melhor: A vista do alto é impressionante, não deixe de subir no segundo andar da plataforma flutuante
O pior: Mesmo com a boa infraestrutura, a quantidade de pessoas é grande e não é incomum esbarrar com pessoas durante o mergulho
Ano: 2018
País: Brasil
Avaliação: ★★★★

Nota: O Parrachos Praia Clube foi nosso parceiro nesse passeio até os Parrachos de Maracajaú. Mesmo o passeio sendo uma cortesia, nossas opiniões são sinceras e só compartilhamos experiências verdadeiras.

Vale conferir também:
Piscinas Naturais de Maragogi

Outros Blogs:

Tags:
share on:
Fabio Pastorello

Fabio Pastorello

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

12 comentários

  1. Fabio, que post super completo sobre Maracajaú, adorei! De ver as fotos da vontade de voltar! Obrigada por indicar nosso post e parabéns pelo trabalho de vocês. Abraços : )

Deixe um comentário